Em outra oportunidade, abordamos aqui no blog como o  WSpot permite captar e armazenar dados de cadastros. Se você souber trabalhar com os dados que a ferramenta gera, poderá conquistar mais clientes, fidelizar os atuais e diminuir a insegurança quanto ao sucesso do seu negócio.

Os dados gerados pelo WSpot permitem a criação de campanhas personalizadas de incentivo, de acordo com os objetivos da sua empresa. Com a base de dados armazenada, é possível enviar, por exemplo, um e-mail marketing alertando sobre o lançamento de algum produto novo ou mesmo de uma promoção exclusiva. A lógica é: quanto maior o número de cadastros trabalhados no seu CRM, maiores serão as chances de transformar oportunidades em negócios.

Abaixo, você confere como aumentar as receitas e ganhar vantagens competitivas no mercado trabalhando os dados gerados pelo WSpot.

Conquistar mais clientes

Uma das vantagens de utilizar os dados é a conquista de novos clientes. Para isso, você precisará:

Ter uma base de dados de qualidade

Uma base de dados de qualidade contém informações essenciais (como nome, e-mail, idade, CPF, redes sociais) atualizadas constantemente. Além disso, esses dados precisam ser trabalhados dentro do CRM, já que de nada adiantam informações dispersas, é preciso analisá-las.

Ao longo do tempo, você poderá analisar dados, tais como:

– Frequência de visitas;

– Tempo de permanência;

– Valor gasto, no caso de negócios do varejo.

Fazer limpeza periódica da base

Qualquer pessoa pode se cadastrar em um HotSpot e, por isso, nem todos os usuários serão bons contatos para sua estratégia de negócio. Alguns contatos não serão parte do seu público-alvo, outros apenas acessaram a rede uma vez por estarem de passagem. Por isso, para certificar a qualidade do seu banco de dados, faça limpezas periódicas.

Algumas maneiras de higienizar os dados gerados pelo WSpot:

  • Segmentando registros de pessoas que não acessaram a rede há um semestre;

  • Utiliza uma ferramenta para campanhas de e-mail marketing? Então compare os e-mails que não chegaram ao destinatário com os cadastros e delete-os;

  • Pergunte se o conteúdo é interessante e dê opção de descadastro da base.

Fidelizar

Muitos usuários do WSpot utilizam os dados gerados para fidelizar clientes. Imagina por quê?  De acordo com dados da Marka Fidelização e Relacionamento, um cliente fidelizado gasta, em média, 150% mais que o não fidelizado. Com as informações geradas pelo HotSpot, você poderá:

Parabenizar clientes em datas especiais

A ferramenta possibilita a exportação dos contatos da base de dados, o que facilita bastante o envio programado de cartões de aniversário e mensagens em datas especiais. É só importar para o seu software de relacionamento e pronto!

Oferecer brindes e prêmios

Quando uma empresa oferece descontos em produtos ou brindes para clientes, aumenta as chances de ativar consumidores antigos que estavam há muito tempo sem visitar o estabelecimento. A ação também é mais um estímulo para que o cliente consuma mais.

Segmentar visitantes frequentes

Uma alternativa bastante promissora é a segmentação de um público VIP. Você pode acompanhar a frequência de visitas e valor gastos para formar um clube de vantagens, oferecendo vantagens para este tipo de consumidor.

Vender

O WSpot também ajuda sua empresa a vender mais. Cruzando os dados do WSpot com o seu sistema de gestão, a equipe de vendas poderá encontrar dados bastante relevantes. Volume de compras por visita, frequência de acessos e o padrão de visitas em outras lojas da sua rede são apenas algumas das informações que poderão ser trabalhadas.

Com as informações do cadastro para composição de segmentos de público específicos e nichos, também é possível criar campanhas de venda mais assertivas.

Veja outras formas de trabalhar os dados gerados pelo WSpot:

  • Acompanhar os estágios de compra dos clientes, colocando-os em listas de marketing adequados aos estágios de vida e sua evolução;

  • Monitorar a frequência de visitas para criar ações que reativem clientes antigos, evitando o abandono;

  • Presentear quem se conecta à rede em um determinado raio de cobertura do Wi-Fi, estimulando uma visita à loja. Você pode oferecer um cupom promocional ou vantagem exclusiva, por exemplo.

Informar sobre ofertas

Não adianta fazer promoções se os consumidores não souberem disso, não é mesmo? Por isso, com uma base de cadastros higienizada, envie e-mail marketing ou newsletter periódicos. Mas cuidado com a quantidade. Lembre-se de ser útil e não enviar e-mails apenas querendo vender. Seja sutil.

Melhorar processos e serviços

Também é possível fazer pesquisa de satisfação com os clientes enviando e-mails para a base de cadastro. Assim, sua equipe pode analisar níveis de satisfação, entender o que realmente define a decisão de compra e melhorar os serviços prestados. Para alguns consumidores, a agilidade com que um serviço é realizado é mais importante que o valor, por exemplo. Sabendo disso, você pode entregar o mais próximo possível do que o cliente deseja e precisa e adequar seus processos a essa realidade.

De que outras formas você acredita que é possível trabalhar os dados gerados pelo WSpot? Comente!